Noticias

Prefeitura de Foz anuncia a suspensão temporária do vencimento de tributos


Após pedido entidades empresariais, como o Sindhotéis, ACIFI e Sindilojas, a Prefeitura de Foz do Iguaçu anunciou a primeira medida econômica que visa a amenizar a crise instalada na economia iguaçuense por causa do novo coronavírus. A administração municipal determinou a suspensão, por 90 dias, do vencimento de tributos (impostos e taxas).

A medida abrange IPTU, ISSQN, taxas, multas, parcelamentos normais e Refis, conforme anúncio feito pelo prefeito Chico Brasileiro e pelo secretário municipal da Fazenda, Ney Patrício, na terça-feira, 24, durante entrevista coletiva transmitida ao vivo pela internet.

De acordo com Brasileiro, as decisões são válidas até “que possamos avaliar melhor o cenário adiante e assim tomar as ações mais próximas do ideal, a depender inclusive das medidas econômicas a serem tomadas pelos governos federal e estadual, o que impactará diretamente na nossa economia local”.

Segundo Patrício, o município decidiu pela suspensão também da cobrança de dívidas ativas via protesto e ainda pela interrupção de ajuizamento de tributos, desde que não estejam em vias de prescrição. “Para orientar o que devemos fazer, precisamos antes das medidas de instâncias superiores”, resumiu.

CORONAVÍRUS: EM FOZ, detalhes da suspensão temporária do vencimento de tributos