manifestao Noticias

Turismo dá trégua em protesto a espera de audiência entre MPF e ICMBio


Por uma decisão em conjunto dos profissionais do turismo, não haverá, por enquanto, nova manifestação em frente ao Parque Nacional do Iguaçu. O Comtur (Conselho Municipal de Turismo de Foz do Iguaçu) comunicou que, após uma reunião realizada na tarde desta quarta-feira, 22, vão esperar a audiência entre o MPF (Ministério Público Federal) e ICMBio (Instituto Chico Mendes).

Rodovia das Cataratas ficou fechada por três dias consecutivos

manifestao

“O voto de confiança inclui a suspensão de qualquer manifestação por parte das entidades representadas por este Conselho e que represente o fechamento de acessos ao parque Nacional do Iguaçu”, consta no documento assinado pelo presidente da entidade, Paulo Angeli. Dessa forma, espera-se chegar a uma solução na questão do transporte dentro da reserva.

“Fomos informados sobre a organização de uma Audiência Conciliatória entre o setor do turismo de Foz do Iguaçu e as autoridades de conservação responsáveis pelo Parque Nacional do Iguaçu com a sábia intermediação da Justiça Federal”, continua Angeli no comunicado. A reunião será na próxima quinta-feira, 30, às 14 horas na Justiça Federal.

Protestos – Na semana passada, taxistas, guias, empresários e motoristas do turismo fecharam por três dias consecutivos a BR-469 em protesto à liminar que restringe o acesso ao Parque Nacional do Iguaçu. A lei determina que o transporte de visitantes seja feito somente pela frota de ônibus da concessionária Cataratas S.A.

No sábado pela tarde, os profissionais suspenderam a manifestação, mas com a intenção de voltar a bloquear a Rodovia das Cataratas caso não houvesse progresso nas negociações.

Veja o comunicado na íntegra:

“O Conselho Municipal de Turismo de Foz do Iguaçu, comunica que após reunião realizada na tarde desta quarta-feira, 22 de agosto do presente ano, com a presença de representantes de entidades que fazem parte deste Conselho, ficou decidido dar um voto de confiança às autoridades estabelecidas e interessadas na solução do impasse atual que afeta o turismo deste Destino Turístico Internacional.

Comunicamos que fomos informados sobre a organização de uma Audiência Conciliatória entre o setor do turismo de Foz do Iguaçu e as autoridades de conservação responsáveis pelo Parque Nacional do Iguaçu com a sábia intermediação da Justiça Federal. A reunião, proposta pela direção do ICMBio – Parque Nacional do Iguaçu, está marcada para o dia 30 de agosto em hora e local a serem confirmados. O novo fato refaz as esperanças do setor de que uma solução seja finalmente encontrada que represente o melhor para o bem-estar e segurança da Unidade de Conservação e o Turismo de Foz do Iguaçu.”


Letícia Lichacovski

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *